Como criar um aplicativo do zero

Muitos programadores buscam aprender como criar aplicativo pela primeira vez, porém ficam confusos ao se deparar com a quantidade de especificações que aplicativos para celulares podem ter.

Muitos programadores estão completamente acostumados com os códigos de computador e desenvolvimento para PC, então como criar um aplicativo do zero?

Não é uma tarefa fácil saber como criar um aplicativo, não é possível mentir e dizer que esse processo irá durar poucas horas ou dias. A criação de aplicativos, sejam eles jogos ou aplicações de utilidade ou entretenimento, pode durar de semanas a meses ou até anos dependendo em sua complexidade, assunto e na disponibilidade de tempo do desenvolvedor.

Porém, mesmo com a dificuldade, um desenvolvedor que queira começar seu próprio projeto de aplicativo para IOS ou Android pode aprender como um criar aplicativo, basta definir algumas metas, compreender o que a criação de um aplicativo requer, especialmente quando ele é feito do zero, e praticar tudo isso durante o desenvolvimento.

Como criar um aplicativo: Defina o público alvo

Definir um público alvo é algo que vem muito antes da ideia principal de um aplicativo ou produto. Afinal, o aplicativo não pode ser utilizado sem ele ser feito especificamente para um grupo de pessoas em mente. Um app pode ser desenvolvido com praticidade em mente, pensando na vida de todos, ou em uma comunidade específica de pessoas que têm um interesse em mente.

Qualquer que seja esse público alvo, é importante considerar o custo benefício de produzir um aplicativo para esse público. Tendo em vista que a maioria das pessoas preferem aplicativos de graça, é algo quase que impossível criar um app que, de início, seja pago. Isso vale em dobro caso o desenvolvedor analise que seu público alvo não é em grande escala.

Vale lembrar que os números não devem ser a primeira coisa em mente para quem quer aprender como criar um aplicativo, tendo em vista que há como fazer isso sem gastar nada ou muito. Porém, principalmente em projetos com uso de elementos pagos, analisar a quantidade de pessoas nesse público alvo é crucial para o resultado final do app.

Encontre a plataforma certa

Apostar em uma plataforma, ou seja, IOS ou Android, depende inteiramente de quem o público alvo escolhido foi. Portanto, escolher o público ou usuário-chave é a maneira correta de iniciar um projeto de aplicativo para celulares. Certos públicos vão utilizar um Android mais que o IOS e vice-versa.

Assim que isso for analisado, o desenvolvedor pode saber que tipo de código e elementos ele vai utilizar durante a criação de seu aplicativo. Porém, no Brasil, o Android é a plataforma que mais predomina por seu custo benefício. Mesmo assim, pode-se considerar o desenvolvimento para todas plataformas.

Desenvolver para ambos Android e IOS pode fazer com que o projeto leve mais tempo, porém é algo inteligente para quem está vendo como criar um aplicativo pela primeira vez e deseja alcançar um público maior e melhores resultados no final de seu desenvolvimento. Além de que é possível adaptar um app para relógios smart e outros dispositivos inteligentes.

Defina objetivos e funcionalidades

As funcionalidades são aquilo que realmente vai atrair o usuário. Novamente, o desenvolvedor precisa manter o público alvo escolhido em mente para que as funcionalidades combinem com aquilo que o público busca. Elas devem ser práticas e direto ao ponto, porém uma ou mais dessas devem ser diferentes de outros aplicativos.

Enquanto o conceito é importante, a execução final seria ainda mais. Portanto, definir algumas funcionalidades que não são vistas na maioria dos aplicativos ou que nunca foram vistas em aplicativos para determinado assunto é uma estratégia para atrair o público alvo, mesmo que seja um aplicativo novo e desconhecido.

Entre algumas funcionalidades básicas que todo aplicativo deve ter, porém, estão:

  • Cadastro e login, ou seja, uma conta pessoal do usuário dentro do app;
  • Geolocalização;
  • Notificações push;
  • Possibilidade de login por contas existentes de sites, como Facebook, Google e Twitter;
  • Chat de suporte ao cliente.

Aposte em um design limpo e fácil de navegar

Independente do assunto do aplicativo, seja ele de vendas, de delivery ou outros, é preciso que o desenvolvedor mantenha em mente como criar um aplicativo que seja limpo e fácil de navegar para uma experiência de usuário que deixe o público alvo satisfeitos com sua experiência com esse aplicativo.

Um design limpo não significa um design chato ou sem elementos atrativos. As cores escolhidas devem combinar entre si, a fonte deve ser legível e fácil de compreender, as imagens devem ter boa resolução e estarem em um bom formato e o código deve estar propriamente feito para que não haja bugs. 

Por isso, testar o aplicativo antes de publicar ele é crucial para determinar se a experiência do usuário será satisfatória e se os resultados esperados para o aplicativo serão reais. Tendo tudo isso em mente, dá para compreender que saber como criar um aplicativo é muito mais que apenas saber sobre programação e desenvolvimento de apps.

Quer ser um desenvolvedor profissional?

Baixe nosso ebook sobre desenvolvedor full-stack. Descubra quais são os passos necessários para se tornar um desenvolvedor completo.

Clique abaixo para baixar gratuitamente o ebook.

Sim, Eu Quero o eBook Desenvolvimento Full Stack

0 comentários